Essa data tem como objetivo chamar a atenção de líderes políticos e de toda a sociedade para o crescimento dos índices da doença, que, segundo o IBGE, vem crescendo continuamente nas duas últimas décadas.

 

Há várias evidências de que a alimentação tem um papel importante na iniciação e propagação do câncer, contribuindo com cerca de 35% dos fatores de risco para a doença. Ao mesmo tempo, é importante conhecer alguns alimentos que atuam na prevenção e combate ao câncer, com ações similares aos medicamentos sintéticos.

Soja e derivados: fonte de isoflavonas, protege contra várias formas de câncer, destacando-se câncer de mama e próstata.

Tomate, goiaba, melancia: contêm licopeno, substância antioxidante responsável pela coloração vermelha desses alimentos. Estudos comprovam a ação do licopeno na prevenção do câncer de próstata.

Vegetais crucíferos (brócolis, couve-flor, repolho): contêm sulfarofanos, substâncias capazes de eliminar substâncias químicas responsáveis por mutações cancerígenas. Seu consumo tem sido associado a um menos risco de câncer de mama, útero, próstata, intestino, bexiga, pulmão e laringe.

Linhaça: fonte de lignana, um fitoestrógeno de ação relacionada à prevenção de câncer de mama, colo do útero e próstata.

Chás verde e branco: rico em compostos polifenóicos de efeito anticancerígeno. As catequinas dos chás verde e branco atuam inibindo a iniciação e o desenvolvimento de tumor (pulmão, esôfago, duodeno, pâncreas, fígado, mama e cólon).

Uvas vermelhas, suco de uva e vinho tinto: contém altas concentrações de antioxidantes fenólicos (catequina, epicatequina, resveratrol) que são potentes agentes preventivos do câncer.

Alho: fonte de alicina. Inibe a ação de nitrosaminas, associadas ao câncer do aparelho digestivo.

Frutas cítricas (laranjas, limas, limões e tangerinas): fontes de vitamina C e limonóides, substâncias antioxidantes. Apresentam efeito preventivo contra o câncer.

Probióticos: reduzem o risco de desenvolvimento de alguns tipos de câncer.

Cúrcuma: fonte de curcumina, um potente antioxidante que atua na prevenção do câncer, pois induz a morte das células malignas.

Azeite de oliva extravirgem: fonte de antioxidantes fenólicos. Reduz o risco de câncer de mama e de pulmão.

 

Segundo o Instituto Nacional do Câncer, cerca de 80% a 90% de todos os casos da doença estão associados a fatores externos, sendo alguns deles bem conhecidos como o tabagismo, exposição excessiva ao sol, hábitos alimentares, alcoolismo… A conscientização a respeito da periodicidade dos exames de prevenção e da doação de medula óssea é fundamental!

Participe desse ato! Previna-se, doe, passe a mensagem para alguém! :)

 

SJ Administração de Imóveis nas redes: Twitter | Facebook